Pirenópolis (62) 3331-3335 | WhatsApp: (62) 9481-6465  | Brasília (61) 8101-3445

  

Meio Ambiente

Meio Ambiente é o conjunto de condições, leis, influências e infra-estrutura de ordem física, química e biológica, que permitem abrigar e reger a vida em todas as suas formas.

As diferentes formas de vida encontradas no meio ambiente apresentam-se distribuídas na biodiversidade que pode ser definida como: “... a variedade dos organismos considerada em todos os níveis, desde variações genéticas em uma mesma espécie até a sua organização em gêneros, famílias e outros níveis mais complexos de interação ecológica, tais como a variação entre os ecossistemas, envolvendo tanto as comunidades de espécies que existem em um dado habitat quanto às condições físicas nas quais elas vivem” (Gaston 1997)

Os biólogos da conservação vêm adotando uma série de estratégias que visam minimizar as perdas através de critérios objetivos que permitam priorizar áreas e/ou espécies a serem preservadas.

Em termos de prioridades para conservação, uma análise geral, em escala mundial, por exemplo, levou à definição de 25 grandes regiões biogeográficas prioritárias, ou “hotspots”, para a conservação (Myers et al. 2000). O Cerrado do Brasil Central é um desses “hotspots” mundiais de biodiversidade segundo Myers.

Cerrado e Pirenópolis

A cidade de Pirenópolis se encontra dentro do Cerrado. Sua fauna e sua flora se encaixam perfeitamente em todas atribuições concebidas aos princípios de conservação do Cerrado. A conservação da biodiversidade é a base da sustentabilidade dos recursos ambientais, dos recursos naturais, florestais e pesqueiros, da biotecnologia e do ecoturismo.

Na região de Pirenópolis belos rios e várias cachoeiras atraem turistas de diversas regiões. Porém, quaisquer alterações do meio ambiente causada por atividades humanas podem afetar a saúde, a segurança e o bem estar da população. Caso não haja uma preocupação em relação ao uso dos recursos naturais do município, a degradação provocará o desaparecimento de várias

espécies de fauna e flora colocando no caminho da extinção o ecoturismo local.

Fonte: www.pirenopolis.com.br